O meu jogo inesquecível foi em 2009

Unifan-1230×130

Domingo, 26 de julho de 2009. Eu, juntamente com os amigos Jota Goyaz e o finado Eric Fróes assistíamos ao Goiás x Atlético MG, pelo PFC, no Spazio Verde. Era um jogo tenso, fora de casa, e o Goiás precisava vencer para buscar a liderança da competição. Hélio dos Anjos escalava o time com Harlei; Ernando, Leandro Euzébio e Valmir Lucas; Gomes, Amaral, Fernando, Léo Lima, Felipe Menezes e Júlio César; Iarley.

O 3-6-1 visava bater um galo, em casa, com estádio cheio, treinado por Celso Roth escalado com Aranha; Márcio Araújo; Werley, Welton Felipe e Thiago Feltri; Jonilson, Renan, Serginho e Júnior; Éder Luis e Diego Tardelli. Jogo complicado, mas sentíamos ali que o Goiás iria vencer na tarde do último dia do fim de semana.

Tensão, medo, expectativa… o jogo era lá e cá, mas faltava a finalização certa do Goiás. Lá atrás, Harlei que completava 600 jogos no gol esmeraldino pegava tudo. Aos 36 minutos da segunda etapa, Júlio César teve boa visão, e no cruzamento achou Iarley, que se antecipou ao zagueiro e de primeira colocou no canto do goleiro Aranha. Era o gol da vitória, e eu de tanto comemorar e gritar, passei mal. A taquicardia assumiu meu corpo, e por um momento pensei que deveria ir para o hospital.

Brasil - Belo Horizonte - MG - 26/07/2009 -  Jonilson do Atletico-MG,  disputa lance com Iarley do Goias, durante partida valida pela 14» rodada  do Campeonato Brasileiro 2009, relizando no Estadio Mineirao. Foto: Pedro Vilela/AGIF

Brasil – Belo Horizonte – MG – 26/07/2009 – Jonilson do Atletico-MG, disputa lance com Iarley do Goias, durante partida valida pela 14» rodada do Campeonato Brasileiro 2009, relizando no Estadio Mineirao. Foto: Pedro Vilela/AGIF

Foto: Gazeta Press.

Depois de algum tempo sentado e tomando água, relaxei e acompanhei o finalzinho do jogo. O Goiás iria enfrentar o Flamengo, em casa, brigando pelas posições de cima da tabela.

Não me esqueço deste jogo justamente pela tensão e pelo mal estar, aqueles de ficar mal mesmo, depois do gol. Não me esquecerei jamais desse dia do Spazio Verde. Foi o ano que voltei a Goiânia, e o ano que me deu muitas alegrias ao reencontrar meu time no Serra Dourada. Para quem não se lembra, vai abaixo um vídeo com os melhores momentos daquela partida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *