Relembre a decisão do Goianão 2016 entre Goiás e Anápolis

Unifan-1230×130
aguia-1

O Goiás se prepara para enfrentar o Anápolis no estádio Jonas Duarte, nessa quarta-feira (14), ás 21h45, pela 8ª rodada do Campeonato Goiano. É hora de relembrar um jogo histórico que aconteceu entre os dois times, pela decisão do estadual de 2016, no estádio Serra Dourada.

O primeiro jogo havia terminado em 0 a 0 e outro empate levaria a decisão para os pênaltis. No começo do jogo, Léo Sena abriu o placar para o Verdão, mas no fim do primeiro tempo, o Galo buscou o empate. O Goiás pressionou em busca do segundo gol, mas parou no goleiro Felipe, do Anápolis. A partida foi para os pênaltis.

Todos os cobradores converteram, até que o zagueiro Leandro Euzébio, que já tinha passado pelo Goiás, bateu no canto direito e o goleiro Ivan defendeu. O atacante Raphael Lucas converteu a penalidade e garantiu o título de 2016 para a torcida esmeraldina. Foi o 26º título goiano do Goiás.

 

2 Comentários

  1. Torcedor Pilhado disse:

    Tem quatro anos que eu vejo o mesmo filme. O time sofre sem um preparo físico profissional. Se não dá conta de correr no goiano, vai conseguir jogar série B pegado como é? Depois não vai dar pra recuperar o prejuízo. Como o seu HP é teimoso! Esse é o motivo de tanta troca de treinador. Não tem nenhum esquema tático que funcione sem preparação física. Enquanto o Dany Sérgio não sair, o time não vai melhorar. Ou toma uma providência agora ou será muito tarde pra limpar a cagada que essa diretoria tem feito a 4 anos.

  2. Gilberto Barros Vieira disse:

    Tem uma defesa ótima mas, brincou hoje no jogo contra o Anápolis. Tinha a bola dominada e ficaram tocando dentro da área; mas não vim aqui para falar da defesa e sim dos piadistas, irresponsáveis Hélio dos Anjos e do Filipe Garcia. O primeiro não enxerga o jogo, se não teria que sacar o Felipe Garcia, ele errou 03 gol feitos e depois morreu em campo. Ele não estava dando conta de respirar e finalmente fez uma falta ridículo e irresponsável. Prejudicando o trabalho dos seus companheiros. O Hélio é ultrapassado e esse Felipe Garcia e ruim de doer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *