Primeira semifinal? Tudo normal, vitória esmeraldina

Arena Ovel
Unifan 1230×130
Kart 1230×130
aguia

Marcello Dantas/O Popular

Em um jogo parelho onde cada equipe dominou um tempo Goiás e Atlético fizeram uma partida movimentada no Serra Dourada,  com a vitória por 2 a 1 na primeira da semifinal do campeonato goiano,  o Goiás leva vantagem do empate para chegar a final.

O Jogo:

Procurando se impor na partida o Goiás tomou as ações e a primeira oportunidade veio nos pés de Thiago Luiz, que recebeu no bico da grande área e tentou encobrir o goleiro Kléver batendo com estilo, o Atlético assustava nos contra-ataques e quase marcou em uma bola levantada na grande área Daniel Borges ajeitou de cabeça e Fábio Sanches quase marca contra.

Inspirado em campo Thiago Luiz tentou mais uma vez de longa distancia e assustou mais uma vez o goleiro rubro-negro, com o calor o ritmo das equipes caiu um pouco o Goiás tinha a posse da bola mais não levava perigo a meta adversária até que aos 38 minutos Patrick recebeu na esquerda e em grande jogada individual passou por dois marcadores e bateu na saída de Kléver para abrindo o placar para o verdão, o gol acordou a equipe adversária que quase empatou em um chute de Willians que Marcelo Rangel espalmou para escanteio e na sequência Abuda tentou surpreender em um cruzamento que foi direto para o gol com o arqueiro do verdão fazendo excelente defesa, garantindo o resultado parcial.

Em desvantagem no marcador o time campineiro goiano se lançou ao ataque e não demorou para empatar aos 10 minutos apos bobeira da zaga esmeraldina Junior Viçosa marcou de cabeça após levantamento do lateral Daniel Borges, com o gol a equipe mandante se lançou ao ataque e quase virou com Willians que desviu cruzamento de Júnior Viçosa mas parou em grande defesa de Marcelo Rangel.

Insatisfeito com o resultado Silvio Criciúma alterou a equipe esmeraldina, mandando a campo Aylon e e Jefferson nas vagas de Jean Carlos e Victor Bolt respectivamente, as mudanças pouco surtiram efeito já que ataque esmeraldino pouco produzia Léo Gamalho bem marcado e Carlos Eduardo ( o pior jogador em campo), eram presas fáceis para zaga rubro-negra.

Já no final da partida após suportar pequena pressão o Goiás garante a vitória através de Thiago Luiz que recebeu em profundidade pela direita e disparou cruzado vencendo o goleiro atleticano, decretando assim mais um vitória esmeraldina no Serra Dourada.

 

Tales Clemente
Tales Clemente
Casado, pai de duas filhas, profissional da construção civil, apaixonado pelo Goiás desde 1986, um corneteiro da diretoria esmeraldina, debatedor de ideias com sensatez e descontração. Contato: tales.clemente@bol.com.br

22 Comentários

  1. Pedro Junior disse:

    Disputamos 12 pontos com times de serie A, e ganhamos os 12. Brincadeiras a parte, precisamos de mais melhorar, que lateral direito horrível, que defesa confusa, o Carlos Eduardo sem comentarios. Enalteco Tiago Luiz, Leo Sena, Patrick e principalmente o Marcelo Rangel, que goleiraco….

  2. Torcedor Pilhado disse:

    Por favor, pelo amor de Deus, nos dê de presente um preparador físico. Será que só eu vejo isso? Com um bom preparador físico até a anta do Carlos Eduardo vai render alguma coisa. O time não é ruim só falta isso.

  3. André Cunha disse:

    Vitória muito Boa, principalmente pelo resultado, pois o jogo não foi tão Bom, com exceção de Marcelo Rangel, Léo Sena, Bolt (Que cansou pois correu muito Quinta e hoje), Patrick e o melhor jogador em campo Tiago Luis.
    Helder é muito ruim, não serve nem pro Banco, menos mal que não joga o próximo pois foi expulso.
    Zaga batendo cabeça.
    Léo Gamalho e Jean Carlos muito lentos.
    Agora o Carlos Eduardo é sem dúvida uma praga pro time, mata todos os contrataques, não consegue tocar, cruzar, driblar, marcar, cabecear, não sabe fazer nada. Como ele ainda continua no time, será que a diretoria pensa que ele vai dar algum retorno financeiro como Erik ou Bruno Henrique? Pois não tem logica um treinador de futebol escalar um cara desse como titular se não for por influência da diretoria, sorte que ele não joga contra o fluminenC.

  4. Edecio disse:

    Boa Verdão !!! Freguesia, tres jogos tres vitorias. E o Kleina detonando no paulistao, prova que se tem algo errado nao é treinador, mas sim presidente. Te cuida Rassi

  5. vinicius luz disse:

    Kkkk. Adson disse que Goiás quando ganhou o ultimo jogo (anterior a esse) claro, que o Goiás parecia q tinha ganhado uma copa do mundo . Kkklk não sabia que ganhar copa do mundo 3 vezes era tão fácil assim.Chupa Adson kkklkkkk

  6. Carlos Antonio de Souza disse:

    Sempre que vejo a equipe Esmeraldina com fraco desempenho no segundo tempo dos jogos, me lembro do nosso antigo e competente preparador físico Robson Gomes.

    Durante sete anos nosso time esbanjou preparo físico, e aí, um merda de despeitado comentarista esportivo da rádio Tupiniquim 730, começou uma campanha difamatória contra aquele excelente profissional…

    Esse despeitado, que se diz comentarista de futebol, naquela época, questionava o salário do Robson Gomes, alegando ser um absurdo o valor pago a ele pelo Goiás Esporte Clube.

    Falácia prá lá, fofocas prá cá, e o incompetente do Sérgio Rassi caiu na burrice de demitir o nosso preparador físico…

    Depois dessa mancada do incompetente presidente Rassi, nunca mais nosso time teve sequer um bom preparador físico.

    E agora??? O que antigamente era nosso ponto forte, hoje se tornou o nosso tormento…

    E agora???

    O pior, é que ninguém cobra dessa imprensa nanica goiana, pelas suas cagadas e mau caratismo…

    Imprensinha de merda!!!

  7. Felipe disse:

    Por isso que falei que o Marcelo Cabo não é esse gde técnico que achavam, perdeu as três partidas contra o Goiás esse ano. Além disso está fazendo um Goianão bem fraquinho. Dragãozinho vai ser rebaixado escrevam! kkk

  8. didi disse:

    ROBSON GOMES seria o melhor reforço pra nosso time disparado, o time se arrasta em campo , ridículo. Devemos engrandecer a vitória. Venho dizendo que o Marcelo é um paredão e Tiago Luís foi a segunda melhor contratação depois do goleiraço. Sou um crítico ferrenho do Patrik mas tenho que admitir que apesar da baixíssima qualidade técnica que ele possui vem jogando com garra e raça coisa que em aprecia. Carlos Eduardo não dá conta, é outro Felipe Macedo que vai sumir, anotem.

  9. Luciano disse:

    Fizemos 1×0, blz. Normal, pq o Goiás é muito mais time do que os traveticos, que é projeto de time que vai ser rebaixado no final do primeiro turno da série A.
    Quase empataram no final do primeiro tempo. Jean Carlos (que acho bom, porém hj reserva do Tiago) estava arrastando em campo. Sem marcação no final do primeiro tempo.
    Aí FIQUEI PUTO quando soube que o Silvio não mexeu no intervalo. Tinha que ter tirado o Jean pra colocar o Jefferson (deslocando o Patrick pro meio) e fechar o time. Ou pelo menos o Toró no lugar do Jean. O tal do Leo Sena não sabe marcar,mas ele ocupa o espaço.

    Pqp, o time arrebentado fisicamente pelo jogo de quinta e pelo preparo físico péssimo. Aí o cara técnico nosso não sabe compactar o time na defesa sem deixar aqueles espaços ridículos entre a zaga e os volantes.
    Saudades de vários técnicos que botava 3 volantes que sabiam marcar e sair jogando. Saudade do trio tulio, Josué e Marabá.
    Nas condições físicas que o Goiás estava, conseguiam marcava igual cão de guarda. E ainda aproveitava contra-ataque.
    É burrice demais. Segundo tempo ridículo.O patético criou inúmeras chances. O Goiás parecia time de várzea que não sabe marcar e não sabe sair jogando.

    Partidaça hj do Marcelo, Fábio Sanches, Patrick e Tiago.

    Silvio, sou seu fã como antigo jogador. Mas contra o flu, se vc achar que vai jogar com 4 homens a frente da linha da bola igual contra o timeco de hoje, vamos levar uma surra. Os 3 meias seus se não compactar e MARCAR pra valer, vai ser triste assistir p jogo. Eles tem Sorgosa nas criação. Craque que foi sacrificado pra entrar o goleiro no Serra. Mas agora vai jogar no maraca. Richarlisson joga mais que o Dourado como centroavante. Vão ainda de Wellington Silva e Marcos júnior natas beiradas em velocidade.
    Não brincar de escalar o time não.
    Saiba escalar o time que vai marcar como nunca marcou esse ano. Raça extrema e inteligência pra fechar os espaços, inteligência pra revesar nos cartões amarelos. E inteligência pra atacar. Substituindo o Gamalho no meio do segundo tempo meu filho. Ele vem se lesão. Não deixa quem quer que seja arrebentado em campo não. A bola queima no pé dele sem preparo.
    Senão nos vamos passar vergonha.

  10. Fernandes disse:

    Não vamos nos iludir, nosso time é mais ruim que comer sem carne, se quisermos subir pra série A vamos precisar de no mínimo sete TITULARES. Outra coisa, o que tá acontecendo com o Carlos Eduardo, parece que ele nunca jogou bola!!!

  11. Henrique disse:

    Mais uma vez fomos engolidos no segundo tempo.
    Será que a diretoria não vê que o preparo físico do time está um lixo?
    O que ameniza um pouco é que quinta-feira tivemos um jogo difícil, mas em outras épocas isso não era problema.

  12. Felipe Neres disse:

    Eu gostaria muito de um dia encontrar o Rassi frente a frente. Só para dizer pra ele que de todas as formas que ele tentou prejudicar o Goiás a forma mais letal que ele encontrou foi mandando o Robson Gomes embora com o papinho de que precisava cortar gastos. Só as derrotas que já tivemos por conta de falta de preparo físico já nos custaram um contrato vitalício com o Robson Gomes.

  13. Ganhamos na minha raça e sorte ! Continuo falando que o Hélder seria um bom servente ou segurança, mas bola ele não da conta . Já o Carlos Eduardo o problema é namorada ou a katia.

  14. Pedro disse:

    Geralmente só acompanho os comentários, porém decidi expressar minha opinião. Servem para a série B, hoje : Rangel, Fábio Sanches, Patrick, Bolt, Bambu, Tiago Luis, Leo Sena, Gamalho. O zagueiro Everton Sena, os laterais (todos do elenco), Toró, Thales, Jarlan e principalmente Carlos Eduardo, são HORRÍVEIS. Gostaria de ver os garotos dá base progredindo mas com exceção do Léo Sena (certeza que vai dar muito alegria para nós) e do Rezende que não jogou, não tenho nenhuma esperança. Otacildo é voluntarioso mas falta muito, Carlos Eduardo não tem coordenação motora nem inteligência, os outros nem vou comentar. Abraços

  15. Wesley disse:

    Ola pessoal concordo com tudo que foi dito até agora, espero que algum diretor ou o próprio Rassi dê uma passada por aqui para ver o que pensa os torcedores…
    Vocês que acompanham o Verdão, sabe me dizer se o Tony estreia quarta feira? Sabe dizer se estão treinando pênaltis ??? Acho inadmissível jogador profissional não saber bater pênalti !!!! Temos um excelente goleiro, bom pegador de pênalti, mas não adianta nada se estes baterem mal os pênaltis…

  16. Adriano disse:

    Todo time tem que ser bom e precisa de raça e sorte, Goias é um péssimo time, não temos lateral direito nem esquerdo, Zaga esta batendo cabeça, não temos criação, Leo Gamalho não pegou na bola nesses dois jogos, ganhamos do Fluminense na raça e na sorte e com a ajuda do juiz ainda. Contra o Atletico que é um time horrível que tivemos sorte de pegar eles na semi final ganhamos na sorte, eles foram bem melhores, tiveram mais chance de Gol e tivemos a sorte e a estrela do Tiago fazer aquele gol quando estávamos mais perto era de levar um. Contar vitoria em cima do Atletico porque ganhamos 3 seguidas e no próximo jogo perder a classificação? prefiro ter perdido as 03 pro atlético e ganhar a classificação. E não sei se vcs viram o técnico do Fluminense falou em sua rede social, chamou o Goias de timinho que no Maracana e no mínimo 03 que Goias vai levar. Graças a Deus os juiz estão escalando o Goias não teremos Carlos Eduardo contra o Flu, e vamos ter o novo lateral direito, Deus nos ajude que esse Silvio Criciúma entenda um pouco de futebol pra colocar esse pessoal pra neutralizar o fluminense e contamos com a sorte de fazer um gol la pois e critério de desempate.

  17. Valdeci Silvério dos Santos disse:

    Fora Rassi!

  18. Esmeraldino Capixaba disse:

    Gostaria de fazer um comentário, amigos… Muito se criticou o técnico Gilson Kleina, mas sempre o considerei um excelente treinador.. Comprova mais uma vez ser por seu trabalho na Ponte. Ele possui histórico de vitórias…
    Infelizmente, o Goiás virou uma “panela de fritar” técnicos… As peças disponíveis são horrorosas, e exigimos resultados… Dai, companheiros, não existe milagre…

    • Edecio disse:

      Concordo, Kleina está provando que era solução e não problema. O presidente Rassi sem nenhuma habilidade criticou publicamente as substituições do Kleina e depois disso ele começou buscar outro clube. Agora Rassi está tumultuando a renovação do Gamalho ao conceder uma pessima entrevista sobre o empresario. Rassi, por favor, vai cuidar do seu hospital !!!

  19. Wesley disse:

    Tony vai estrear contra o Fluminense, quem sabe o gol saia com uma assistência dele…. Ele o Gamalho se entendem muito bem!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *