Muita conversa e pouca ação

Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Saudações Esmeraldinas!

 

Ninguém obriga um dirigente de clube a falar nada. Pelo contrário, na maioria das vezes é o próprio dirigente que convoca uma coletiva ou vai até alguma emissora para dizer o que bem entende e ter alguns momentos de estrelato.

Essa semana em particular, o show de horrores esmeraldino atingiu o seu ápice, começando com declarações no mínimo infelizes por parte do atual mandatário esmeraldino, numa entrevista exclusiva para o jornal de maior circulação no estado.

“As pessoas diziam que o problema do Goiás era físico. Diziam até que a única solução seria tirar o preparador físico. Cheguei em um momento que pensei: “Vou fazer o que essa galera, torcedor, imprensa, conselheiro, todo mundo que não está sentado nesta cadeira, quer. Talvez estejam certos e eu, errado”. Sempre tive a convicção de que não era nada disso, mas tentei resolver dessa forma. Foi duro, penoso cortar a cabeça do Danny Sérgio, mas cortei. Quis mostrar que através de cortes não vamos resolver o problema”, disse Marcelo Almeida.

Neste trecho da entrevista o Dr. Marcelo Almeida, demonstra todo seu desespero e despreparo para estar a frente do Goiás justamente no ano que o time precisaria de pulso firme e seriedade.

Ora presidente jogar a responsabilidade de tantos fracassos e más escolhas, para a torcida é muito fácil, se tinha convicção que o trabalho estava sendo bem feito qual o motivo para demissão do preparador físico? Cometer erros e assumi-los e de todo ser humanos, mas persistir no mesmo e sinal de despreparo.

Continuando o show de trapalhadas o Gestor de Futebol, Tulio Lustosa, que na opinião deste modesto torcedor não passa de um  menino de recados, de quem realmente comanda o futebol do verde, mesmo sabedor que o elenco esmeraldino foi mal formatado, mal planejado e visivelmente rachado, durante a apresentação de mais um “reforço” o Lateral/Volante Ernandes.

“Se depender de mim ninguém sai. Só se alguém pedir prá sair. Não vou abrir mão de atletas por causa de seis jogos ruins. São atletas que contratamos com critérios e não é a nossa ideia reforçar adversários”.

Tulio você que foi exemplo de garra dentro de campo, até apelidado de “Guerreiro” não consegue enxergar que não são seis jogos que esse jogadores vem apresentando um futebol sofrível, o time se arrastou durante o Campeonato Goiano, não venceu apenas um “clássico” e ainda foi humilhado pelo fortíssimo Iporá.

E pra finalizar com chave de ouro o sempre falastrão, ex.presidente Sergio Rassi, em entrevista a uma rádio de Goiânia, confirmou o que até a torcida do Vasco de Itaberaí já sabia.

“ A eleição de presidente do Goiás é um faz de conta. É uma carta marcada. É uma pessoa de confiança do Presidente do Conselho Deliberativo do Goiás, que escolhe quem será eleito por membros do conselho, que ele mesmo escolheu. Isso tem que mudar, toda essa situação que estou chamando de casoismo do passado. Vamos enaltecer, pois, deram sustentação ao clube, mas agora é outro tempo. Acho um absurdo um sócio proprietario não votar para presidente. Acho um absurdo um sócio torcedor não ter direito de ser um conselheiro”.

Grande Sergio Rassi, que como dirigente esportivo é um grande cardiologista, o senhor teve mais de três anos para mudar, o porque no fez? Esta resposta todos também sabemos não é mesmo? Agora que o barco já está a deriva prestes a naufragar, chega beirar o ridículo esse tipo de entrevista.

Goiás hoje é um arremedo de time, com uma diretoria cheia de vaidades, sob a batuta de um dirigente ditador e ultrapassado, que muito fez pelo clube, mas assim como  o Assessor Especial da Presidência, não soube a hora de sair de cena.

Tempo para uma reação dentro desta série B ainda tem, porém sem que sejam tomadas medidas enérgicas, e principalmente dispensas de jogadores, o futuro será ainda mais tenebroso.

CORNETADAS:

Já estamos no final maio e o Goiás continua tentando consertar o carro em movimento, demonstrando claramente a falta de planejamento e principalmente gestão de pessoas.

Os ditos reforços estão chegando e vão continuar chegando até atingirmos a meta de cinquenta jogadores no elenco. Ah estava me esquecendo muitos destes “reforços” são para o sub23, esse mesmo time que foi goleado pela Aparecidense.

 

 

 

 

Tales Clemente
Tales Clemente
Debatedor de idéias com sensatez e descontração, corneteiro ferrenho da direção Esmeraldina, profissional da construção civil, casado, pai de duas filhas e apaixonado pelo GOIÁS de 1986.

15 Comentários

  1. MARINHO NEY disse:

    É só toda diretoria do Goiás renunciar que o time entre nos eixos.

  2. CESAR PETRI disse:

    SE TIVESSE UM MÍNIMO DE VERGONHA NA CARA E DIGNIDADE PEDIRIA DEMISSÃO, ELE E SUA FAJUTA DIRETORIA.

  3. ogival martins de resende disse:

    Diretoria amadora de dinheiro nos próprios bolsos, vão fazer o que fizeram com a petrobrás.

  4. Leone bento disse:

    Aí torcida do Goiás entrevista bombástica na rádio 820am do Raimundo Queiroz ex presidente falando que vai entrar na semana que vem vai entrar na justiça contra os ex dirigentes do Goiás para explicar como gastaram tanto dinheiro e o time está indo para serie c,que eles tem uma péssima gestão ele com 18 milhões levou Goiás a libertadores e eles com receita astronômica afundaram o Goiás com aquilo que já sabemos cabide de emprego tava na hora de alguém tomar uma providência contra esses dirigentes que estão no Goiás,no ministério público neles,chama o moro com certeza vai aparecer podridão.

  5. Marcos disse:

    Cansei de torcer elo Goiás

  6. Leone bento disse:

    A torcida do Goiás ainda não acordou pra enxergar a realidade do Goiás,esses resultados agora sao reflexos de anos de mas administrações no clube,E o pior est á por vir uma serie c,esse Marcelo e pior que tal de Sérgio rhassi,guando foram eleitos Sérgio rhassi disse para vários amigos que começava o fim de uma história linda e vitoriosa de clube para uma era de vexames e desastres no futebol e não satisfeitos esses incompetentes e falsos esmeraldino estão levando o clube a fracasso histórico,não vao fazer nada sabe porque eles falsos esmeraldino no poder,estão pra destruir o clube,qualquer dirigente que ama o clube toma decisões urgentes,guando o Carlos Eduardo entregou todo mundo após o jogo contra Guarani,todo criticou ele agora tai resultado,conseguiram perder para o boa,ele disse que o Goiás vai cair no primeiro turno alguém tem dúvida,ouvi a entrevista desse projeto de presidente,sabe o que ele vai fazer nada,porque tem muita coisa errada lá ele sabe,mas ele foi colocado lá pra isto destruir i clube,só não vê quem não quer ver,Olha a situação do clube,21 pontos ganhou 2,precisa falar mais,vai esperar o que todos omisso,conselho,dirigentes,abnegados,todoestao assistindo o final desse clube,faça uma investigação sera que está tudo bem mesmo,na virada do turno já vai estar rebaixado,cadê os pinheiros sumiram não dao entrevista,estranho não é mesmo

  7. Márcio Rosa disse:

    Goiás não tem jeito, vai cair para a série C. A única salvação, seria Haile Pinheiro e Harlei Paneleiro, se demitirem de imediato, pois esses dois energúmenos, são um câncer em evolução no verdão, o levarão a morte. Se esses dois incompetentes ultrapassados não largarem o osso agora, preparem-se para assistirem as peladas da série C em 2019 e série D em 2020.

  8. Rodrigo Prego disse:

    A saída é a interdição judicial do Haile Pinheiros e a mudança radical no estatuto do clube, permitindo voto de sócio torcedor e de uma oposição atuante.. profissionalismo já, ou o Goiás EC acaba.

  9. Gilberto Barros Vieira disse:

    Eu venho dizendo isso a anos. O Goiás está sendo dirigido por amadores. Aliás esse atual presidente, juntamente com o Túlio Lustosa e o Harley não sabem nem falar. Ou melhor sabem sim falar. Mas só abrem a boca para falar bobagens.

  10. Gilberto Barros Vieira disse:

    Venho falando isso a anos. O time do Goiás é dirigido como time amador; agora eu fico admirado é que alguns paus mandados da imprensa esportiva de Goiânia, elogiou não só esse atual presidente, como elogiou todos presidentes após a era Raimundo Queiroz. Todos sem exceção, são culpados da situação atual do Goiás. Porém dar tempo de consertar, é só querer.

  11. Suzane disse:

    Porquê essas organizadas ao invés de cobrar apenas os ineficientes jogadores, não fazem barulho na porta dos dirigentes exigindo profissionais de gabarito, como um diretor de futebol? Bater nos limitados jogadores é fácil, difícil é enfrentar aqueles que ficam atrás de suas escrivaninhas e não levantam os rabos de suas cadeiras, arrotando nos microfones e não derramam suor em prol do clube. Dizem serem bairristas, mas só quando o vento está à favor. O GEC é o maior…maior time amador do Centro Oeste, o resto é museu…passado.

  12. Ary disse:

    Tales , perfeito seu tecto !Vc relatou com propriedade o que está acontecendo no Goiás !
    Tenho 51 anos que acompanho o Goiás e todos nós sabemos que o HP e o proprietário do Goiás. Ele e seus comandados , talvez seria
    melhor dizer seus paus mandados não darão o braço a torcer , pois sempre foi assim !

    Chegaremos a 50 jogadores até o fim desse campeonato da série B e novamente serão jogados rios de dinheiro no lixo !

    O modelo de gestão do Goiás faliu , todos nós já sabemos ! Clube de amigos e apaniguados estão levando o Goiás ao fundo do poço, e ninguém tem coragem de expor isso no conselho do clube !

    Vou torcer e muito para que ao menos o time não caia para a estrie C, porque quem ainda pensar em acesso terá uma grande decepção.

    Na minha opinião o SÉRGIO RASSI foi p pior presidente da história do Goiás , mas estou temendo que em apenas 01 ano como presidente o Marcelo Almeida conseguirá roubar este título do SERGIO Rassi!

  13. Torcedor Pilhado disse:

    O presidente disse que não era o Dany Sérgio? Sabe de nada inocente! Ou burro. Até o Iporá atropelou agente, fomos engolidos até agora na série B por não ter nenhum preparo físico e essa besta falar uma bosta dessa. Não vamos dar importância o que esse ser sem vontade própria disse. Todo mundo sabe que é a múmia que dá as ordens. Nem esse Marcelo e nem o Sérgio Rassi tem autonomia pra fazer nada no Goiás. Todo mundo morre de medo de desagradar o HP. O incompetente maior faz as besteiras e os outros abaixam a cabeça e até assumem a culpa. Não aceita nenhuma opinião e o seu destino ( série C) já está selado.

  14. Mirosmar Cardoso disse:

    Serão contratados mais alguns pra o sub-32 também?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *