Saem clubes e entram empresas: veja o que ainda pode mudar no futebol brasileiro em 2019

Foto: Divulgação/CBF

Para este ano está em curso um processo que pode mudar para sempre no futebol brasileiro. Governo federal, Senado, Câmara dos Deputados, CBF, federações, clubes, todos os envolvidos de alguma maneira deverão permitir que os times de futebol se transformam empresas.

No lugar entrariam associação sem fins lucrativos, modelo adotado por todo todos no país atualmente. Com isso, entrariam como as sociedades anônimas ou limitadas. Atualmente alguns clubes já fazem esse tipo de situação com objetivo de atrair investidores.

Entre os clubes que estão nesse ramo são: Red Bull Bragantino (hoje líder da Série B do Brasileirão). Oeste Audax, que também está na Série B do Campeonato Brasileiro. Agora, o próximo pode ser o Botafogo que deverá se transformar Sociedade Anônima.

1 Comment

  1. Avatar Augusto Antonio disse:

    Pode-se considerar que o Goiás já é um clube empresa também. É um clube que foca apenas na demonstração da estrutura, na contratação de “apostas” para vender depois. E depois, todo o dinheiro arrecadado vai pras mãos (ou pro rabo) dos mandatários.
    Um time sem ambição de títulos, sem propostas concretas para atrair torcedores, mídia e mais patrocínio. Não passa de uma mera empresa, das mais vagabundas possíveis. O Goiás não merece a torcida que tem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!