Ximenes critica sequência de jogos

Conhecendo o clube cada dia mais, Felipe Ximenes tem conquistado seu espaço aos poucos. Ainda preparando a equipe no Goianão, visando Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro da Série B, principal foco, o diretor de futebol criticou a tabela da competição de acesso nacional. Para ele, a sequência de jogos poderá prejudicar o time esmeraldino ao decorrer do ano.

“Tem a data FIFA que nós vamos ter duas semanas sem jogos em agosto na Série B. Eu não vejo motivo pra isso. O campeonato poderia seguir sem essa interrupção. Mas vamos seguir em frente e tentar fazer o melhor trabalho possível”, disse a Rádio 730, e continuou: “A gente fica preocupado porque assuntos que são complexos precisam ser decididos em pouco tempo. Como a questão da frequência de jogos, quando a gente observa meses com excesso de jogos e outros meses com poucos jogos”.

Onze jogos no primeiro mês:

As reclamações tem fundamento. Mesmo com a janela de 15 dias para descanso em Agosto, os 11 jogos no primeiro mês de Série B podem ser fundamentais para lesões e cansaço do elenco. Além disso, os cinco primeiros jogos serão fora de Goiânia, sendo três por ser fora de casa, e dois pela punição aplicada do STJD. Depois de passar por Tupi, Londrina, Criciúma, Brasil de Pelotas e Ceará, o Goiás so joga em Goiânia contra o Bahia, na sexta rodada.

Mesmo com a adversidade de punição aplicada pelo STJD e muitos jogos no início de temporada, o Goiás tem como obrigação o acesso de volta a Série A por conta de seu orçamento elevado, sendo ele o segundo maior da divisão. Sobre isso, Ximenes falou: "O Goiás não pode fugir dessa responsabilidade. Goiás, Vasco e Bahia são as equipes de maior tradição e pela estrutura nem justificaria estar disputando uma Série B. A gente sabe disso, mas temos respeito pelas outras equipes”, explicou.

222

Foto: O Popular.

Outro ponto comentado por Felipe foi a presença dos três principais times goianos na competição. “Eu gostaria que essas três equipes estivessem disputando a Série A do Campeonato Brasileiro. Mas os três vão disputar a Série B e eu espero que o futebol goiano possa estar representado no que vem com maior número de equipes na Série A. Espero que pelo menos um seja o Goiás”, finalizou.

0 Comments

  1. Avatar Fabrício disse:

    Ontem fui levar meu filho pra ver o nosso time do coração, só que isso não foi possível,pois agora todos treinos são fechados. Meu filho chorou e esperniou mais não adiantou nada. Estou começando a não gostar desse Enderson, acho que a torcida não atrapalha em nada. O Goiás só faz afastar seus verdadeiros donos.

  2. Avatar Fabrício disse:

    Ontem fui levar meu filho pra ver o nosso time do coração, só que isso não foi possível,pois agora todos treinos são fechados. Meu filho chorou e esperniou mais não adiantou nada. Estou começando a não gostar desse Enderson, acho que a torcida não atrapalha em nada. O Goiás só faz afastar seus verdadeiros donos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!